Category Archives: 1

Anúncios

This seat is taken

Visitem: http://www.ruadebaixo.com/this-seat-is-taken.html

Heavenly

McQueen fall 2010/2011

Twenty8Twelve

Visitem: http://www.ruadebaixo.com/twenty8twelve.html

(p.s: não estou a conseguir estabelecer links, peço desculpa. Mas visitem na mesma!!)

In the forest

Topshop Unique. AW 2011

Gosto tanto…

Flash News: Melissa x Jean Paul Gaultier

Jean Paul Gaultier é o mais recente parceiro da marca brasileira Melissa.

“Working with Melissa has been a coup de pied à la mode!  I’ve enjoyed the challenge of creating a high heeled plastic shoe with all the values of my design ethos.” – JEAN PAUL GAULTIER

Criada em 1971, a marca é já conhecida pelas suas parcerias com nomes sonantes como Alexandre Herchcovitch, VivienneWestwood, Karim Rashid, entre outros.

“I believe plastic is only limited by a designer’s creativity” – Edson Matsuo, Creative Director, MELISSA

Poderemos arejar o pézinho no sapatinho de plástico (camel, preto, beige, verde lima ou laranja), com 10cm de salto cigarrete, a partir de Julho deste ano.

Morreu Alexander McQueen

O designer inglês apelidado de “”the hooligan of English fashion” foi encontrado morto hoje, na sua casa de Londres, aos 40 anos de idade.

Enquanto as causa da morte estão a ser averiguadas (o Daily Mail avança suicídio como causa)…eu recupero do choque (ou não).

God Bless McQueen.

Já que falamos do assunto.

“An interesting Video interview that was presented at PREMIUM Exhibitions in Berlin about Fashion blogs, asking Suzy Menkes Head Fashion Editor at The Herald Tribune – As well Yvan Rodic (Facehunter), Jennie Tamm (The Coveted) and Julia Knolle and Jessi Weiss(LesMads) to share their opinion on the blog business…”

Para os interessados, deixo-vos o link para uma entrevista à editora de moda do Herald Tribute , Suzie Menkes (e a yvan Rodic, Jannie Tamm, Julia Knoll e Jessi Weiss), sobre a sua opinião acerca dos blogs de moda…

… aqui.

In 2009 fashion bloggers came under the media spotlight

We have grown our readership and expanded the possibilities of online conversation well beyond anyone’s imagination. We’re increasingly sought out by high-profile brands. So what next? How do we handle success? IFB — with the help of American Express, G-Star RAW and ModCloth — is proud to present EVOLVING INFLUENCE, a conference for fashion bloggers to discuss where we go from here.

EVOLVING INFLUENCE Date: February 15, 2010 Time: Conference 10:00 a.m. – 6:00 p.m. • Wine & cheese reception 6:00 p.m. – 7:00 p.m. Place: Helen Mills Theater, 137-139 West 26th Street (between 6th and 7th Avenues), New York City

Panelists include : Susie Bubble – Style Bubble/Dazed Digital | Tavi Gevinson –Style Rookie | Bryanboy | Phil Oh – Street Peeper | Britt Aboutaleb & Lauren Sherman – Fashionista.com | Imran Amed Business of Fashion | Diane Pernet – A Shaded View on Fashion | Gina Garrubbo, EVP Blogher | Jessica Schroeder – What I Wore | Erin Dixon – Dossier Journal | Gala Darling-iCiNG | Lauren Dimet Waters – Second City Style | Dina Fierro – Eye4StyleAttention! | Aubree Nichols-Urban Signals | Nana Ekua Brew-Hammond- BlueFly.com | Corinne Leigh –Threadbanger | Erika Miller – Elle.com | Pamela Castillo- Market Publique | Nichelle Pace – StyleMom | Melody Biringer – The CRAVE Company. With Influential Blog Presentation from YM OusleySignature9 

(Uma conferência sobre a influência e futuro dos blogs de moda organizada pela Independent Fashion Bloggers)

printer

(via: miserylovescomedy)

Porque falei neles…

inspiração para os mais pequeninos:

A Tavi do Style Rookie


Mas porque é que ninguém fala sobre isto?!

Navegar na internet, surfar no ciberespaço, site, portal…palavras do léxico de todos os dias. Desde os primórdios dos primeiros scripts dos anos 90, que a internet entra na nossa vida, penetra-nos os poros, instala-se debaixo da nossa pele, e de repente, já não vivemos sem ela.

São muitas as consequências, boas e más, e todas elas discutíveis. Mas não é o que está aqui em questão, porque disto fala-se muito, sempre se falou, e a discussão, como tudo aquilo a que se dá muita importância e conversa, caíu em desuso. Até porque ela está aí e já não há grande coisa a fazer. 

Agora, o que mais me impressiona, é que, apesar de toda a gente falar, fotografar, mencionar, ninguém parece achar estranho ou escrever ou pensar sobre os pequenos fenónemos da moda que agora aparecem. Tivesse eu uma revista e dedicaria-lhes um número inteirinho. Fosse eu investigadora e faria disso a minha premissa. Será que ninguém acha estranho que uma rapariga com apenas 13 anos ganhe um espaço para escrever na Harper’s Bazzar (!!!!)? (quase imagino dezenas de estagiárias a levarem a mão a cabeça e a equacionarem o suicídio depois de tanto café tirado verem o “seu” espacinho reservado a uma rapariga de 13 anos).

Ok, ninguém está a tirar mérito à Tavi, sim, a rapariga é um máximo,; sim, já me tinha chamado à atenção quando navegava pelo lookbook e via os looks dela. Mas a verdade é que com sites como estes, é obvio que raparigas que até tenham jeito para a coisa, possam desenvolver o dom. Se inspirem, copiem… Parece-me que acima de tudo, Tavi é apenas um óptimo exemplo de como a sociedade hoje funciona a mil. Graças à internet, miúdos como ela podem não só aceder a informação super rápido, como também mostrar o que são capazes e chegar às primeiras filas dos grandes desfiles num piscar de olhos.

Será isto discutível? Ou não haverá discussão possível?

E como Tavi muitos outros. Susie Bubles, criadora do blog stylebubbles, é hoje colaboradora de inúmeras revistas, entre elas a Dazed and Confused. Betty, criadora do blog leblogdebetty, é hoje mundialmente conhecida. Estão em campanhas publicitárias, escrevem para revistas, colaboram em desfiles. Na última edição do moda Lisboa estavam acreditados 25 bloggers!!!

Isto é óptimo (especialmente para mim), mas porque é que não se fala nisso? as revistas deveriam estar em alvoroço…e se por lá fora se fala muito disto, cá…

Pena que quando as coisas começam a esquentar por lá, é quando começam a aquecer por cá…

Foi só um desabafo.

O existencialismo e a nova estação

Vergílio Ferreira disse:

“A moda não é um simples capricho. Acaso se imagina um estilista a lançar a moda do calção cortado ao cimo da coxa como no séc. XVI ou mesmo até ao joelho como no séc. XVIII?”  tipo, isto?:

 

“Ou as fraldas dos romanos com a túnica e a toga?”  hum, assim?:

 

Ok, podia não perceber muito da coisa, mas numa ele tinha razão:

“Tudo numa época faz sistema e menos que o vestuário, o pensamento e a arte não são um capricho da moda. É dentro de certos limites que são possíveis as variações. E essas mesmas só são viáveis se o contacto do homem lhes transmitir o calor do sangue.”

Como:

 

(in Escrever  de Vergílio Ferreira)

fotos: Alexander Wang; Givenchy; Alexander McQueen e Gareth Pugh Spring2010

Kanye precisa-se

Porque raio é que Taylor Swift aparece (em quarto lugar!!!) primeiro que a M.IA., a Sienna Miller, a Erin Wasson ou que a Olivia Palermo, na lista das 20 mais bem vestidas de 2009 da Teen Vogue???

I’m the new Sinatra

Anel de prata com diamantes de Sophie Billie Brahe

Carta ao Pai Natal nº1

Pai Natal,

Olá, tudo bem?  por aqui está muito frio, mas nem imagino como estará aí…

Daqui a um mês é natal..deves estar cheio de trabalho…por isso adiantei-me com o pedido…para te ajudar..sabes que gosto muito de ti…estou sempre ansiosa por te ver descer aquela chaminé que deixo sempre carinhosamente bem quentinha para ti…

O que te queria pedir…..o que te queria pedir era…..bem….hummm

Como é que eu hei-de dizer isto?

É Leica.

É Hermès.

Eu quero.

(Alguns pormenores que deves saber: é analógica. É edição limitada: só estão há venda 200 exemplares. Vem acompanhada de uma lente Leica SUMMILUX-M 35mm f/1.4 ASPH. Custa 8.550 libras. E eu quero em castanho).

Beijinho

Objecto de desejo

her fog, her amphetamine and her pearls

@ http://www.florian-design.com/

I think I saw this coming

O que não previ foi a dificuldade em encontrar umas!!!

Doc Martens são as novas All Star…não acham?


“…run through the moss on high heels”

Mais inspiração para o movimento “neon hippies”

Fever Ray

Animal Colective

O post que tenho vindo a adiar.

Estou sériamente a pensar fazer um club, ou uma organização, uma tribo ou qualquer coisa que junte pessoas que tal como eu estão fartas de “boyfriend jackets”, e tachas, preto total e aquele estilo “punk-rock futurista” para o qual perdi já um pouco a paciência. As miúdas rebeldes que continuam a querer ser femininas por debaixo daquele eye liner e batom vermelho e perfecto de cabedal. Olhas para uma e escusas de olhar mais a tua volta. Estão por todo o lado.

Deveriamos fazer boicote. Abaixo as raparigas saídas das montras da Stradivarius. Criaremos um manifesto.

Teremos a campanha da Stella McCartney como ponto de partida. Seremos algo mais global, mais cósmico. Teremos vindo da Amazonia directamente para Nova York. Amaremos a terra acima de tudo, mas não conseguimos largar as cores neón do new rave, que nos penetrou na pele. Renasceremos, porque somos filhos da natureza.

Cantaremos Bat for lashes e MGMT e Klaxons e Florence and the machine, enquanto olhamos as estrelas e adoramos a Lua.

Abraçaremos as árvores vestidos de penas e beijaremos as flores com vestidinhos cor-de rosa choque.

Vamos a isto?

Florence and The Machine

Stella McCartney16495_102580209863_55817334863_2196679_747798_n

316570_spejsgirll  299821_fffff  GetAttachment-2.aspx  GetAttachment-3.aspx

Trendy bibelôs

Adoro estes sincronismos moda/quotidiano…

Já para não falar do fenómeno “o que já não é fixe é tão fixe!”…(ok,confesso que passei a adorar naprons depois da ideia da coca-cola de troca-los por uma lata da marca de refrigerantes).

IMG_7890

(www.facehunter.blogspot.com)


Ainda querem trocar o vosso menino da lágrima?

 

(sobre o que se fala: http://www.cocacola.pt/projectogostadeti/pdf/brochura.pdf)

It’s an o”H (&) M”y God situation!!!

Tudo começou com Karl Lagerfeld a dar o mote. Seguiu-se Stella McCartney e o duo Viktor & Rolf. Depois Madonna e Kylie que não podia deixar o seu metro e meio de gente fora desta verdadeira festa da moda sueca. Cavalli, Comme des Garçons e Matthew Williamson também quiseram entrar, fazendo as delícias dos fashionistas um pouco por todo o mundo. 

Depois disto tudo cheguei mesmo a pensar que das duas uma: ou a coisa ficava por aqui e tudo o que poderíamos fazer era arrependermo-nos de ter deixado escapar peças de designers de renome ao preço da chuva, ou rezar para que isto não parasse e a H&M fizesse outra parceria (que é como quem diz nos atirasse doces e rebuçados, qual crianças eufóricas numa festa surpresa).

E sim, ao que parece vozes de fashionistas também chegam ao céu, e as nossas preces foram ouvidas: a H&M juntou-se desta vez…..a Jimmy Choo!!!! (taquicardia! taquicardia!)

Ok, confesso que me custou um pouco acreditar, mas sim é verdade. A marca de “fast-fashion” juntou-se a mais um gigante da moda internacional para fazer um colecção que contará não só com sapatos, mas roupa e malas.

Segundo Tamara Mellon, presidente e fundadora da marca: “Jimmy Choo vai trazer à H&M uma colecção sofisticada, acessível, glamorosa e trendy- peças perfeitas para uma festa. Para comprar de dia e usa-las nessa mesma noite”.

A colecção (e festa) estão marcadas para dia 14 de Novembro, nas lojas H&M.

Curiosos?

jimmy-for-hm-600x333

jimmy-for-hm-5

jimmy-for-hm-4


Lista de Compras

-Ovos (4, para bolo);

-Fruta (morangos, bananas e ananás)

-Iogurtes (de pedaços)

-Lixívia (para tingir calças)

168320_dscn16341

(lookbook.nu)

harpers-bazaar-gisele-bundchen-by-peter-lindbergh-142

(Gisele Bundchen for Harper’s Bazar)

mango-sring-20091

(Mango spring 2009)

156574_p1060947_copielb

162667_1st1

MKO

interviewaspx1

3273334264_e11d614d82

mary-kate-interview-mag-04

mary-kate-olsen-interview-magazine-march-2009-2

Para a Rita 🙂

Covers to see

miuccia-prada-para-i-d

Miuccia Prada para i-D

beth-ditto

Beth Ditto para Love

interviewaspx

Mary Kate Olsen para Interview

Come on, Barbie, let’s go party!

bruno-frisoni-for-barbies-50th-anniversary1

Bruno Frisoni, para os 50 anos da boneca mais famosa do mundo.

Matthew Williamson para H&M

matthew_williamson_hm_02

Enquanto dava uma espreitadela pelas novidades no Nitrolicious deparei-me com uma preview da colecção desenhada pelo Matthew W. para a H&M. São ainda poucas as peças que podemos apreciar, mas parece-me promissor.

Uma primeira colecção exclusiva será lançada a 23 de Abril em 200 lojas seleccionadas.  Uma segunda chegará a todas as lojas da marca, em meados de Maio, desta vez para homem e mulher .

“It’s a very stylish collaboration for H&M, and very much in line with the way we’re thinking about fashion for spring/summer.”. Quem diz é Margareta van den Bosch, creative advisor da H&M.

matthew-williamson-hm-wmns-05

matthew-williamson-hm-wmns-01

matthew-williamson-hm-wmns-02

matthew-williamson-hm-wmns-03

Miss Dior Chérie

by Sofia Coppola

A história da tendência das calças arregaçadas

Tudo começou quando, passado o solarengo Verão e o preguiçoso Outono, eis que o Inverno decide instalar-se refastelado no nosso sofá.

– “Passa aí uma bejeca, que hoje dá o Armageddon”.

Eish, tinha vindo para ficar.

Tudo parecia bem. O Bruce assistia não muito feliz ao enrolanço da filha com o Ben (que na verdade é filha do outro, mas isso agora não interessa nada). Viviam todos felizes numa plataforma petrolífera. Até que decidiram ir ao espaço, ao que parece esburacar um asteróide. Bem, aqui é que a coisa começa a ficar preta. O Inverno não parece muito contente, e lá começa a chuviscar.

Uns quantos sustos pelo meio, destrói/ não destrói, põe a bomba não/ não põe a bomba, o Ben morre/ Ben não morre. (esta indecisão toda está a deixar o Inverno fulo…já bufa por todos os lados, está na hora do cachecol).

Até que o Bruce se decide, e em nome de todos os terrestres sacrifica a vida e morre no espaço. Foi o pranto total. Não é que o Inverno me imundou a sala?

Toca a arregaçar as calças e a limpar esta confusão.

Três horas passadas (ou meses) e o Inverno decide-se a deixar o sofá e põe-se a caminho. É a vez da primavera, que toda dada a estas coisas da moda nos apanha com as calças na mão.

– “Ah, que giro! Arregaçaste as calças! Adoro! Eu sei que posso ser tão tempestuosa quanto o Inverno, mas nada que um cardigan e uma gabardina não resolvam”. E assim foi. Convidou-me para tomar café numa esplanada, e lá fui…eu e a primavera, de calças arragaçadas…e tudo graças ao Inverno! (ou ao Armageddon? já nem sei!).

Não acreditam? Ora vejam:

facehunter2lookbook1

the-sartorialist4lookbook2

dsc02409-mod153091_img_4237b

E para eles:

thesartorialist3

the-sartorialist

the-sartorialist2

(fonte: the sartorialist; lookbook; facehunter)

 

A todos..

U1537431

Bom carnaval!!

Depois de Kanye…

kanye-glasses

…Beyoncé!

beyonce-small

Ainda não há certezas acerca do designer dos óculos que a cantora usa no seu novo video-clip “Diva” (fala-se de Lorraine Schwartz, o mesmo que desenhou a luva de metal que usou no video de “single ladies”). ..Contudo, à semelhança de Roisin Murphy, foram as roupas de Gareth Pugh que Beyoncé escolheu para abrilhantar o video do seu novo single.

Fierce!

I’ve heard three’s a trend!

1038valrunned

lookbook

114105_raunch

9308ripped

the-sartorialist

e também:

jeremy-laing   meadham-kirchhoff   vivienne-westwood   rodarte

Trashy,ah?

(fonte: lookbook.nu ; thesartorialist; style.com)

And speaking about LV…

Aqui estão as fotografias da campanha S/S 09 da Louis Vuitton. Escusadas são as apresentações…

madona-vuitton2

madona-vuitton1

maddonaforlouisvuittoncb5

maddonaforlouisvuitton3bj5

maddonaforlouisvuitton2dl2

(fonte: thefashiontime.com)

YES, he did it again!

mas desta vez nu, para a Harper’s Bazaar, de Louis Vuitton “Graffiti collection” em punho e fotografado por Terry Richardson.

marc-jacobs-naked-stephen-sprouse-bag-harpers-bazaar-2-de-31166193

marc-jacobs-naked-stephen-sprouse-bag-harpers-bazaar-1-de-538479291

oh we love you, Marc…we really really do!

“Who wants to be”- Zooey Deschanel

OUT946073

Ela é Zooey Deschanel, e só pelo nome já merecia ser mencionada. Música e actriz, Zooey começa já a tornar-se num ícone, pelo menos na opinião de alguns bloggers como eu, com o seu estilo hiper feminino, vintage mas fresh, e, melhor ainda, completamente effortless.
Para os que não conhecem ou só precisam de um pouco de inspiração:

zooey

zooeynew

zooeydeschanel_071106

E como já cheira a primavera (quanto mais não seja pela chegada das novas colecções às lojas), nada como uma música girly e fresh…para quem se quiser atrever a apanhar flores com o seu vestidinho branco no meio da neve.

She and Him- Why do you let me stay here

(Para a Lia)
Fotos by http://ninjavintage.blogspot.com

Com as etiquetas

“Comme des Garçons”…et des filles, non?

Eu sei que o longo silêncio começa já a ser habitual por aqui e que estão carecas de ler “flash news” e tretas do género que escrevo para tentar compensar o estúpido atraso. Claro que, ainda que intencional, um pouco de suspanse (ou suspense, para quem quiser) nunca fez mal a ninguém – “hum, será que é hoje que ela se digna a escrever?”.

Na verdade tenho andado tão preocupada em arranjar, por exemplo, um part-timezito na H&M que foi preciso estar lá a trabalhar para saber (vergonha, vergonha) que a senhora Kawabuko desenhou umas quantas pecitas para a marca.
Mas como diz o povo “antes tarde que nunca”, e como uma notícia destas nunca vem só, cá estou eu para dizer aos que ainda não sabiam que sim, é verdade, a H&M fez uma parceria com a Comme des Garçons, e para dizer aos que já sabiam que a parceria foi lançada hoje e que mais de 2 mil pessoas se juntaram a porta da mais recente loja da marca em Tóquio para serem os primeiros a deitar a mãozinha num casaquinho ou dois da estilista.
Em Portugal, se eventualmente houver alguma fila, será formada a porta da loja do Chiado, já no dia 14 de Novembro. Certamente vender-se-á tudo antes que consiga dizer Ornskoldsvik.
Para nós, simples lusitanos, ficam para já as fotografias.

comme-des-garcon-hm-021

comme-des-garcon-hm-014

comme-des-garcon-hm-04

Esperam-se mais notícias (e das boas) de parcerias de grandes marcas com Comme des garçons…mas isso fica para amanha. Um pouco de suspanse (ou suspense…),lembram-se?

HUUU… and I can’t hardly wait to tell you this one!!!

eyeFashion – Róisín Murphy

She rocks! (@Casa da musica – 31/10)

e por falar em Róisín Murphy e Gareth Pugh (o designer vestiu-a para o seu single Overpowered):

Com as etiquetas

The Upcomers – Gareth Pugh

Sabemos que a moda pode ser cíclica, que as tendências sofrem retrocessos. Mas assim, como quem desponta no palco dos espectáculos e se quer fazer notar, surgem os novos talentos que abanam por completo a indústria da moda e deixam estupefactos os que a vivem.
Esta injecção de inovação não é dolorosa. É revigorante e necessária. A excentricidade dos responsáveis pela mudança fazem arregalar os olhos da primeira à ultima fila dos desfiles, e de par em par as pupilas dilatam.
Desta vez, estamos perante a loucura de formas, volumes e tudo o que nos parece cada vez mais excitante. À medida que os modelos desfilam vão desvendando a mente do génio: Gareth Pugh.
Não seria justo afirmá-lo como simples designer. Gareth Pugh formou-se na escola de moda Central Saint Martins em 2003 e participou no programa televisivo inglês Fashion House com designers de outros países, e é desde 2006 que participa na semana de Moda de Londres. O seu talento é tão notório que Anna Wintour o convidou a participar na exposição Fashion and Fantasy no Metropolitan Museum em Nova Iorque este ano. A sua colecção de Primavera/Verão 2007 revelou-se uma das mais “vestíveis” mas ainda com a sua originalidade característica. De cores sóbrias, fechos zipp, flanelas, formas geométricas, volumes e mangas trabalhadas como se fossem armaduras apresentou-se a colecção de Outono/Inverno 2008-2009, onde o designer reuniu e fez desfilar uma trupe invejável de Samurais, Feiticeiros de Oz e Predadores. O universo de Pugh declarou-se brilhante, fantasioso e incrível, de resto acrescenta o New York Magazine: “ As nossas esperanças estavam altas. Ainda se elevaram mais quando os macabros robôs reminiscentes de, sim, Mad Max, caminharam pela passerelle. Londres estava de volta”

Primavera/Verão 07:

Outono/Inverno 08-09:

Ana

Tendências Outono/Inverno 08 – parte 3

  • Alter-Ego Super-Hero
  • Os super heróis vieram, ao que parece, para ficar e a história (em quadradinhos ou não) mantém-se: Capas, ombros largos, maquilhagem carregada e um qualquer super poder fazem a indumentária perfeita…O suficiente para deixar o professor X mais que orgulhoso

  • Chiffon
  • Okay, o meu primeiro pensamento foi: vamos precisar de um bom casaco para usar por cima de tanto chiffon. A verdade é que nem no Inverno lhe resistimos. O leve e solto chiffon continua aí, “pá” noite ou “pó” dia, “pá” menina ou…”pá” menos menina.

Tendências Outono/Inverno 08 – parte 2

Como combinado, aqui ficam algumas tendências (na minha opinião) a manter na mudança de estação, vistas quer nas passerelles, quer pelas ruas. Espero que vos seja útil na longa e exaustiva caça aos saldos.

  • Calças Masculinas
  • Este Inverno, o fenómeno “dude looks like a lady” (ou vice versa) continua. As calças permanecem à semelhança do que vimos no desfile de Yves Saint Laurent primavera/verão, masculinas, de cinta um pouco subida e largas, de preferência bastante curtas em baixo (uma espécie de Capri pants, mas mais largas, vá).
    Nos saldos: Comprei umas camel na H&M por 15 euros.

  • Neón
  • Querem-se ora mais subtis, mostrando-se apenas em pequenos laivos pela indumentária (Yves Saint Laurent), ora usados em look total (Moschino) ou até mesmo apenas nos acessórios (sapatos em Chloé). De todas as cores, o azul eléctrico é, nesta estação, rei e senhor.

    (…continua…)

Tendências Outono/ Inverno 2008 – parte I

Os desfiles das novas colecções para Outono Inverno já lá vão, muito antes sequer de o cheiro a mar se fazer sentir. Agora é Verão, e com ele assistimos confusamente à disposição de todas aquelas t-shirts e tops e calções amontoados nas prateleiras onde se lê : “50% desconto sobre o preço marcado”. São os saldos, e com eles a nova colecção (cujo preço nos baralha por termos visto do outro lado da loja ainda há pouco um cardigan igualzinho por metade do preço), e a ânsia de comprar, gastar dinheiro em roupa para um verão que mal começou, já está quase a acabar.
Sim, é uma época confusa. Ninguém sabe muito bem o que fazer. E no meio da minha confusão, de certo partilhada pela maioria, descobri a solução.
Durante muito tempo, comprava nos saldos roupa aleatória, pensando na unica semana de praia que teria, e enchia o meu armário com t-shirts e calções, que findos escassos meses não só estavam “fora de moda”, como o frio me impossibilitava de os usar.
A solução? Pesquisar as tendências para a próxima estação e procura-las nos saldos. É fácil, acreditem. Até porque a moda tem destas coisas, lá calhou de não ser assunto estreitamente rigoroso nisto de tendências, e as vezes antevêem-se must-haves da próxima estação lá pró meio da confusão.
A tarefa é simples: pegar num papel, escrever as peças chave, e depois (a parte mais divertida): Shopping.
Decerto não digo nenhuma novidade para muitos, mas comprometo-me a deixar-vos aqui algumas possibilidades de compras. Porque fartos de ver em revistas “novas tendências Outono/Inverno”, estamos todos. Mas poucos são os que se podem dar ao luxo de renovar guarda-roupa de 6 em 6 meses. O que queremos são peças que ainda podemos adquirir e assim dar nas vistas, quer no Verão, quer no Inverno, e de preferência a baixo custo, claro está!

(…continua…)

(imagem: http://www.atuleiros.weblog.com)

Fashion on wheels

Quem diria que viríamos o Sr. Todo-poderoso da moda, vestir, tão elegantemente um daqueles coletes amarelos e horrorosos.
Realmente, só Karl Lagerfeld o faz tão graciosamente. O designer responsável pela casa Chanel, foi convidado a fazer parte de uma campanha de prevenção contra os riscos de acidente nas autoestradas e outras vias, alertando para a importância do uso do triângulo de sinalização e do colete reflector.
No texto que acompanha a fotografia do designer alemão, pode ler-se: “É amarelo, é feio, não combina com nada, mas pode salvar a sua vida”.
OK, é a moda a servir de ferramenta de consciência social e cívica… mas, Karl, por favor… não comeces a achar muita piada à coisa e te ponhas a fazer feiras automóveis, em vez das fashion weeks, e sessões fotográficas para revistas tunning, em vez da Vogue, não?

Quote

“Se me concedessem escolher entre os vários livros que serão publicados 100 anos depois da minha morte sabem qual pediria? Não o eleito desta futura biblioteca não seria um romance, nem um livro de história que, se tem algum interesse também é um romance.

Meus amigos, pediria simplesmente uma revista de moda para ver o como é que as mulheres se vestirão um século depois da minha morte. E aquelas máscaras saberão dizer-me mais sobre a humanidade futura do que os filósofos, os escritores, os pregadores, os sábios”

Anatole France

Walk like a gladiator

Este Verão está em alta o classicismo. Se por um lado se revisitam os vestidos greco-latinos, os sapatos da época não ficam esquecidos.

 Já há algum tempo que as sandálias romanas abrilhantavam os pés de quem as usava, mas este ano, a tendência recai nas botas de gladiador.

Combinadas com vestidos, túnicas, calças e até calções, as gladiator boots são a peça-  chave desta estação.

E para quem realmente as adora, as “Gladiator Aurelia Sandals” são o par perfeito.

Criadas por Márcia Kilgore, fundadora da Bliss Spa, as flipflops Gladiator Aurelia foram desenhadas com uma tecnologia inovadora que promete desafiar qualquer músculo a cada passo que se dá, estimulando ao mesmo tempo os glúteos e prometendo reduzir a celulite. Podem ser adquiridas no site da loja Kirna Zabete a partir de meados de Junho. O pior mesmo é a lista de espera que já existe.

 

 

Ana

“fashions fade, style is eternal”

Yves Saint Laurent, um dos maiores designers de moda do século XX, morreu hoje (domingo), em Paris, aos 71 anos de idade.

O designer francês, que cedo começou a sua carreira na indústria, ficou sobejamente conhecido por ser colaborador e depois sucessor de Christian Dior: “Dior fascinava-me. Não conseguia se quer falar em frente a ele. Ele ensinou-me a base da minha arte. Acontecesse o que acontecesse, nunca esqueci os anos que passei a seu lado”.

Nascido a 1 de Agosto de 1936, Yves Saint Laurent cedo se deixou atrair pela moda, e aos 17 anos de idade, deixa a sua terra natal, Algéria, e parte para Paris.

Já com um sólido portfólio valeu-lhe o então editor da Vogue, Michael de Brunoff, que não perdeu tempo em publicar os seus esboços e assim abrir as portas para o jovem designer.

Após ter sucedido a Dior, Yves Saint Laurent começou a sua própria linha no inicio dos anos 60, numa altura em que o mundo ansiava por mudança, inovação e originalidade.

Um revolucionário da moda, logo ganhou o seu lugar ao sol, sendo o primeiro (juntamente com Mary Quant) a lançar a moda da mini-saia, o smoking feminino e o look “safari”.

 Inspirando-se fortemente na arte, o designer deixa peças tão emblemáticas como o “Mondrian dress” ou o “Pop art evening dress”.

Em 2002, Yves Saint Laurent despede-se da moda, deixando um legado que jamais será esquecido.

 

Yves Saint laurent quotes:

 

“To be beautiful, all a woman needs is a black pullover and a black skirt and to be arm in arm with a man she loves.”

 

“dressing is a way of life”

 

“Isn’t elegance forgetting what one is wearing?”

 

“I wish I had invented blue jeans: the most spectacular, the most practical, the most relaxed and nonchalant. They have expression, modesty, sex appeal, simplicity – all I hope for in my clothes.”

Marc, you’re a star!

Dissemos que tínhamos sempre as nossas atenções focadas nele…e é verdade.
Marc Jacobs vai ser capa da revista Interview de Junho/Julho, dedicada a Andy Warhol, que faria por agora 80 anos.
Para quem desconhecia, Interview Magazine foi criada pelo artista mais conhecido da Pop art e pelo seu amigo fotografo, poeta e cineasta (e um habitué da Factory, estúdio de Andy W.) Gerard Malanga em 1969. A revista foi possivelmente a forma que Andy encontrou de glorificar os tais 15 minutos de fama, dedicando-a quase exclusivamente ao culto das celebridades.
Desta vez calhou ao designer Marc encarnar a mítica personagem de Andy Warhol do século XXI. Quase tão excêntrico quanto o próprio, ousou deixar-se fotografar em sapatos de tacão, meias de licra e renda.
Primeiro estranha-se…depois entranha-se, não acham?

Introducing Ana – a nova colaboradora

Aprendia a aceitar Londres como a minha musa.
Inicialmente, lá estava eu, sentado no metro, até que ela entrou: imunda,
esfarrapada, mal cheirosa, velha e bêbeda. Mas agora somos inseparáveis,
dando voltas e mais em Circle Line, de braço dado, talvez até à eternidade

Will Self, 1998

Naqueles meses de Março e Abril, estava mesmo frio em Londres e sim, isso já era de se esperar. Entrar na Central Saint Martins (CSM) era como chegar a um porto de abrigo. Depois de passar vitoriosamente a Central Line, de subir as escadas rolantes e de romper corajosamente as frias rajadas de vento que persistiam em empurrar-nos para as plataformas do tube, chegar à CSM era de facto uma prova superada!
Mas como cada atleta tem o seu truque, eu tinha o meu e aqui o desvendo: o Costa!
Ora bem, o Costa era um pequeno café italiano que nos dava a restante gasolina para conseguirmos chegar à faculdade. É que o frio insistia lá fora e o hot chocolate do Costa era o elixir.
Assim, a Central Saint Martins estava para as nossas expectativas como o Costa estava para o frio londrino!
Eu conheci a Cris na CSM e poder partilhar com ela todas as experiências desta Babilónia moderna foi fantástico.
Não, Cris, não te estou a dar música. Não, leitores, a Cris não me subornou. Passámos tanto tempo juntas, explorámos tanta coisa juntas que aquelas três semanas tornaram-nos nas perfeitas vadias, irresistivelmente ansiosas por descobrir os londrinos, Londres e por conseguir compreender e aceitar esse grande império.
O Costa era, pois, o palco para divagarmos, para expressarmos os nossos sonhos, para desvendarmos as nossas vidas, esboçar projectos e beber um bom chocolate quente.
Mais relevante que fazer o meu perfil, era descrever resumidamente a importância dessas três semanas em Londres.
Informalmente, chamo-me Ana, licenciei-me em Comunicação e Cultura pela Faculdade de Letras de Lisboa, fui para Londres onde tirei o curso Introduction to Fashion Journalism. Os objectivos eram: ver muito, aprender muito e comungar bastante com essa sociedade. Objectivos cumpridos!

ana4sousa@hotmail.com

Nova estação…

Enquanto o dressing room decidiu fazer um myspace novo (www.myspace.com/dressingroom_blog)..

o Nuno Gama decidiu incluir na sua colecção Outono/Inverno um daqueles lenços…meios portugueses meios must have da estação, trazidos à baila aqui há uns tempos (“fashion must-have or portuguese tradicional item“).
Realmente não o tinha imaginado a colorir a indumentária masculina…é, gosto!

[continuo sem conseguir estabelecer links…mil desculpas!]

Hate to say I told you so

Eu chamo-lhe “Alter Ego Super Hero”, no style.com lê-se que “we can be super Heroes” (“podemos ser super herois).

Seja como for, visitem o site se quiserem um pouco mais de WHAM BAM KABUM!

http://www.style.com/trends/stylenotes/042808

(nao consigo estabelecer links, por isso, copiem o endereço e já está)

sweet sweet dandy boy(‘s book)

Tenho reparado que o meu post sobre os novos dandys é um dos mais vistos aqui do Dressing Room…Vi também à venda um livro sobre estes senhores, e achei que vos poderia interessar, já que o post é tao procurado.

O livro chama-se “The new english Dandy Book” de Alice Cicolini e está a venda quer no Ebay, quer no Amazon ( e noutros sítios também, com certeza!).

Aproveitem, tive a oportunidade de o folhear e parece-me bastante interessante!

“the Fashionmachine”

The device for rotating the “fashionmachine” @ V&A museum

Amanha tenho uma sessão fotográfica para coordenar….e uma gripe para curar..

Wish me luck!

The bowler

Com a inspiração do curso de Coolhunting, apetece-me hoje encher-vos de novas (possíveis) tendências.Passei o dia todo a pesquisar na Internet, em sites de coolhunting, para o projecto que tenho que desenvolver até ao fim da semana, e a minha cabeça mais parece um turbilhão com tanta ideia.Enquanto não desenvolvo mais afincadamente a ideia que já tenho(que farei questão de vos mostrar), decidi mostrar-vos uma outra tendência.

Chamam-se bowlers e são os chapéus que toda a gente quer ter…ou deveria!

Bowler- “a hard, felt hat with rounded crown to offer protection while riding. The bowler was created fos Thomas Coke, second earl of Leicester, in1850 by James and George Lock and was named after a prototype produced by Thomas and William Bowler.”

(in The Visual Dictionary of Fahion Design, Ava)
Faz lembrar o que o Charlie Chaplin costumava usar, e fica óptimo com o look manly, mas conseguem ser extremamente femininos quando usados com vestidos largos ou camisas com laços. Ando atenta, e pelos sites como facehunter e outros sites de coolhunting já se vêm muitas “Agness Deyn”s a usarem-no!
Definitivamente uma boa aposta!

Aqui ficam as fotos:

chnwhthatw.jpg

http://www.thesartorialist.blogspot.com

hats-facehunter.jpg

http://www.facehunter.blogspot.com

r0034831.jpg

http://www.facehunter.blogspot.com
x80143066482296311.jpg

Miss Agness Deyn

Melissa’s fashionable ego

Eu sei que isto é suposto ser um blog de moda, onde fashionistas como vocês podem beber inspiração para o próximo outfit ou simplesmente saberem das novidades, mas com esta excitação toda de nova cidade/nova escola/nova rotina/novas compras, tenho andado com a minha atenção completamente focada no que se passa nas ruas e no que vou fazer no dia seguinte.
Terminou o curso de introdução ao jornalismo de moda, e a semana foi menos puxada. Entre outras coisas, tivemos a oportunidade de aprender como fazer entrevistas (pergunta/resposta; face to face; bla bla bla), a escrever noticias a partir dessas entrevistas e (o melhor de tudo) a produzir uma sessão fotográfica. Amanhã começa o curso de Cool Hunting (ansiedade, ansiedade). Deixo-vos com a minha feature sobre o estilo pessoal da Melissa (uma Porto-riquenha do meu curso), resultado de umas perguntinhas que lhe fiz.

PS: Amanha posto o board com a ideia para a minha sessão fotográfica…hoje a minha máquina resolveu não dar…God, estas máquinas fotográficas conseguem ser tão temperamentais!

MELISSA’S FASHIONABLE EGO

Melissa, a 26 year old fashion student, talks about her style, her sunny Puerto Rico and her Manolo Blahnik shoes.

It’s a sunny but cold day. Melissa, a 26 year old Puerto rican fashion student from Central Saint Martins, is certainly missing her native Puerto Rican weather.
It is always interesting to know how the fashion students look at themselves and what they think about their personal style. And being a foreigner in a city like London, one of the world’s capitals of fashion, we can get a whole other perspective.
“Oh it’s so cold here, I miss my sunny Puerto Rico!”, says Melissa as she enters the coffee shop, wearing a simple white dress, a jeans and a black coat.
Even though she’s taking a degree in architecture in Sao Francisco, Melissa decided to choose Saint Martins in London, to take a short course in Fashion journalism: “I like the idea of creation that involves the two (architecture and fashion). I definitely want to work in both at some point.”
Being a fan of Stella McCartney as well as Stella Nolasco, a fashion designer from Puerto Rico, she defines her style as being girly, fresh and pretty. However, she doesn’t see herself as a trend follower: “I don’t really follow the trends. If I don’t like that sort of trend I just don’t wear it.”.
And let’s not forget, Melissa is a Puerto Rico girl studying in San Francisco, so her style may often change, while traveling between California and home. She do what she can to maintain her look trendy, while using flip flop, short skirts and tank tops in the beach combining the shoes with the bags. But all becomes easier during school period, where she feels comfortable enough to play with clothes, using boots and coats, never forgetting the green, her favorite colour. But one thing’s for sure, confusing as her wardrobe may seem, if the house is on fire, Melissa will run for her vintage belts and her Manolo Blahnik shoes.
“I like to go shopping while I’m walking down the street. If I see something that I like, I just buy it”, says the Puerto Rican student. A face that has no traces of make up whatsoever, hides a strange contradiction in what concerns the time spend in front of the mirror. By the morning, Melissa will simply walk out with the first pieces that she can find in her closet, but at night she concentrates all her efforts to look at her best.
Even thought she’s already a journalist for a fashion magazine called “Ego moda” in Puerto Rico, she wants to combine both architecture and fashion in the future, by working as a catwalk or a fashion designer. Only then she will be able to see closely all the interesting people that sit on the first row of the catwalk shows.
With her soft and simple style, Melissa is hopping to return home with new and fresh ideas, especially for her architecture and fashion work, so we might just ear about her in years to come.

Legal Alien

cenas-da-escola-dressing.jpg
Amanhã começa mais uma semana do curso de Introdução ao Jornalismo de moda, e achei que, como interessados em moda que são, gostariam de saber o que por lá ando a fazer, por isso decidi partilhar a minha semana com vocês. É terça-feira de manhã, e o dia começa com correria. Avisaram-me que deveria chegar 15 minutos antes da aula começar e ao chegar ao autocarro reparo que tenho que carregar o meu oyster. Tenho de ir a pé ate a estação de metro. Apanho a central line para Holborn e corro para a escola. A entrada dizem me que tenho que ir em frente, virar a direita, subir escadas, apanhar elevador para o 7º (!!) andar e ai virar a esquerda…escusado será dizer que me perdi assim que subi as ditas escadas. O edifício é antigo (ok, velho), e enorme. Tenho aulas na “red lion square”. “Fashion journalism”, pergunto ao entrar na sala já meio cheia. Finalmente! Soft news, hard news, news in breef, press releases, features, headlines, fashion PRs…fui bombardeada com todo o vocabulário jornalistico e amei. Fizemos catwalk reports dos desfiles de Gucci, Prada e Chanel e escrevemos artigos sobre Paul Smith e Asprey e Garrard. Estudamos a readership de revistas como a ID, ou Vogue e aprendemos a fazer still life shootings (sessão fotográfica sem manequim humano). Neste momento dedico-me a fazer dois pitchings (basicamente duas fashion ideas, para entregar ao meu “editor”), como “TPC”. Espero conseguir…

Amanha é outro dia…amanha outras historias fashionantes!

This is the funniest post ever!

Lembram-se disto? De como achava piada ao facto de tornarmos alguma coisa nossa, da nossa cultura, num fashion statement?
Estava eu ontem a passear cá por em Londres, quando um amigo meu me diz “A sério tens que ver esta loja!”. Era uma loja com roupas vintage chamada Bang Bang, com roupas super giras e bem cuidadas, bem no coração de Soho.
Entrei e gostei: Porta-chaves Chloé (que, por falar nisso, tenho que me lembrar de ir comprar…só 20 libras!), porta-moedas Louis Vuitton, T-shirt Marc Jacobs…e… um avental verde do traje minhoto, com um galo de Barcelos e a dizer Portugal!!! E sabem que mais, custava quase tanto quanto o porta-chaves da Chloé!!
Não pude tirar fotografias ao avental, mas tirei a loja e procurei um pouco… o da fotografia não é igual, mas dá uma ideia de como era…
Conseguem imaginar? Calças prada, sapatos Marc Jacobs, T-shirt Comme des Garçons…e avental minhoto!!! Love it!!

Portugal is soooooo trendy!

a loja:

bang-bang.jpg

o avental:

lenco-portugues.jpg

A (Portuguese) Londoner’s point of view

london.jpg

Hi there!

Este mês o Dressing Room anda por Londres, “eagerly pursuing all the latest fads and trends”, daí o meu silêncio…é que isto de vir para cá sozinha requer alguma preparação, quanto mais não seja interior.
Enquanto me habituo a toda a agitação e injecção de moda (há muito esperada), vou passeando e apreciando o que por cá se veste, ansiosamente a espera que comece os meus cursos de Coolhunting, de Styling e de Introdução ao Jornalismo de Moda na Central Saint Martins.
Noticias vão sendo dadas à medida que o tempo decorre, pelo que podem imaginar que se respira moda em todos os cantos e que tenho muito que vos contar.
AH, adianto desde já que por todo o lado, em todas as lojas, se vê penas e chapéus pequenos para por na cabeça, muito século XVII /XVIII…um máximo…podem encontrá-los em qualquer lado, desde Topshop a Portobello Market, passando pelo Selfridge’s… ao que parece é a nova grande tendência. Vou ver se tiro umas fotografias para vos mostrar.
Até lá…

It’s a golden age…

…para Alexandra Byrne, responsável pelo guarda-roupa do filme “Elizabeth”.
No passado mês de Julho o Dressing room convidava a darem uma olhadela nas fotografias do ainda por estrear “Elizabeth”, sob a promessa de se deliciarem com o guarda-roupa.
Findos sete meses, o Dressing room volta a trazer à conversa o mesmo filme, desta vez para mencionar o tão merecido Óscar para Best Costume Design.
Quatro vezes nomeada para os Óscares, Alexandra Byrne viu ontem, finalmente, o brilho da estatueta de perto, ao ser galardoada pelo excelente trabalho desempenhado no filme de Shekhar Kapur.
Li que “para os críticos o filme não é um épico, mas um desfile de moda”. Óptimo, pois para um filme que retrata a vida de uma rainha cujo guarda-fatos marcou uma era na história do vestuário, não era para menos.

Flash News

Neste novo post vou directo ao assunto, retomar o tema de onde o deixei, e dizer-vos que apesar de todo o meu absentismo, não me esqueci por completo do Dressing room, nem de vocês, queridos leitores. Este post é simples, sem grandes preâmbulos, uma espécie de resumo daquilo que sei e que quero partilhar.

  • Posh Spice, cara da campanha Primavera-Verão de Marc Jacobs

Já pensaram como seria se em vez de vermos Victoria Beckham passear com sacos de compras, a víssemos sair literalmente de um deles?
Marc Jacobs aproveitou a ironia e Jurgen Teller fotografou-a. Nós, achamos super divertido e uma óptima maneira de chamar a atenção (não que Marc Jacobs precisasse…We always got our eyes on him!)

victoria_marc01.jpg  victoria_marc02.jpg

  •  Kirsten Dunst para Miu Miu

Foi a vez de Kirsten Dunst vestir os figurinos (e que figurinos) e dar a cara pela campanha Primavera-Verão 2008 de Miu Miu, depois de outras actrizes, como Selma Blair, Kim Basinger e Lindsay Lohan.
A actriz deixou-se fotografar por Mert Alas e Marcus Piggot Novembro passado, vestindo uma das colecções preferidas do Dressing Room para este verão.

miumiuss08_2-901.jpg miumiuss08_5-3fa.jpg

  • Christopher Kane + Topshop

As parcerias da marca com designers (e não só) são já conhecidas de todos os fashionistas mais fanáticos.
Chegou a vez de Christopher Kane, o menino-prodígio saído da Central Saint Martins e protegido de Donatella Versace.

25c03sden_normal.jpg 25c06sblk_normal.jpg 25c08sblk_normal.jpg 25c01sgry_thumb.jpg

  • H&M lança campanha “Fight against Aids”

Juntamente com a “Designers againts aids”, a H&M lançou uma nova campanha que conta com colaborações de artistas como Rihanna, Timbaland, Chicks on Speed, Good Charlotte, Henrik Vibskov, Jade Jagger, Katharine Hamnett, My Chemical Romance, Rufus Wainwright, Scissor Sisters, The Cardigans, Tiga e Ziggy Marley.
A campanha visa, sobretudo, alertar os jovens para o flagelo da Sida, e estará disponível em todas as lojas H&M, já este mês.

hm_aids_campaign.jpg hm_aids_01.jpg hm_aids_02.jpg hm_aids_07.jpg

Stay Tuned for more news!

OH MY!

EI, mais novidades (desta vez é a sério)

Depois do terrível desastre de ter ficado outra vez (!!!!) sem Internet sem sequer conseguir aproveitar para postar alguma coisa, dediquei-me, com todo o esforço possível, a outras coisas, sempre a pensar no dressingroom.
Tenho, portanto, dois apontamentos a fazer:

1 – Dressingroom já tem myspace!!! Sim, seus fashionistas cibernéticos, agora podem-se juntar ao dressingroom também no myspace, e assim trocar “friend requests”.

Visitem http://www.myspace.com/dressingroomblog e adicionem!!!

2- Estou a preparar, com muito carinho e dedicação, o próximo grande passo: Coolhunting! Ainda que experimental, preparem-se pessoal (portuenses em especial) vou andar por aí a disparar flashes nas vossas roupinhas, por isso, não se esqueçam, antes de saírem de casa lembrem-se: DRESS TO IMPRESS!
(já agora um muito obrigada à minha primeira vitima, Íris, perfect!)

And then the story goes…

Ao que parece a loucura dos óculos do post anterior acabou por afectar os fashionistas um pouco por todo o lado!
Vejam só este post  do StyleBytes.

YEAH!

O Dressing Room já atingiu as 10.000 views e eu completamente a leste de tudo…agora que assentei arraiais lá pós lados do porto espero que seja mais fácil manter isto actualizado… detesto não ter tempo para as minhas pesquisas….nem tempo, nem Internet.

Mas nem tudo está perdido, e quero agradecer a todos os visitantes por despenderem precioso tempo com o meu bloguinho. Obrigada e amanha (ou quem sabe ainda hoje) há mais! =)

 

Quatro olhos!

Isto de não ter Internet em casa está-me a deixar um pouco perturbada, e logo agora, que o Dressing Room começa a ter views diárias como nunca antes! Preciso mesmo de manter isto actualizado, e acreditem que eu tento.
Enfim, com este assunto de Internet, tenho adiado um post cujo tema há já muito tenho ansiado partilhar convosco.
Quando descobri pela primeira vez o blog face hunter, uma das primeiras coisas que me chamou a atenção (para além de todo o conceito de cool hunting, pelo qual me fascinei desde logo, e para além das vestes que os meninos fotografados envergavam) foi o próprio criador do site Yvan Rodic, que, se não me engano trazia uns óculos de massa sem lentes. Achei divertido e engraçado, mas passou. Bem, isso pensava eu. Nos meses seguintes assistia a um verdadeiro contágio de óculos de massa sem lentes ou com lentes transparentes. Em todos os blogs de street style que visitava, era quase certo encontrar pelo menos uma pessoa a usá-los. Perguntava-me como reagiriam as pessoas aqui em Braga, ao vislumbrarem tal coisa.
Chegou por fim o momento, como acontece em quase todas as peças que vejo nestes blogs de rua, que H&M aproveita o contágio e põe uns a venda nas suas lojas, para que a “moda” faça o seu trabalho e a coisa se torne mais como uma espécie de praga. Ok, confesso, eu comprei uns, simplesmente porque andava a namora-los pela Internet e pensava já fazer uns eu própria. Seguiu-se a vez de os ver em revistas (Vogue, Zoot…), conjugados com marcas conhecidas como Comme des Garçons ou Etro (quem ficou curioso que dê uma olhadela no editorial “Cor púrpura”, na vogue portuguesa de Outubro).
É incrível ver a quantidade de modelos e tamanhos (sempre muito grande), com ou sem lentes, na rua, ou em caras conhecidas como Kanye West.
Este era um post necessário, como resposta á pergunta “o que é isso?!?” de alguns amigos, quando ousei sair com eles à rua.
Ora aqui têm a resposta:

face-hunter3.jpg

face-hunter4.jpg

face-hunter5.jpg

r0035576.jpg

kanhyyyye__opt.jpg

(fotos: facehunter.blogspot.com e perezhilton.com)

e os meus:

dscf2429-mod-mod.JPG

Com as etiquetas ,

Oh, that coat…

Lembram-se disto?

Este belo exemplar já se faz passear pelas ruas de todo o mundo, Portugal inclusive, uma vez que tive oportunidade de o ver à venda na H&M do Chiado!

Algumas ideias de como o usar, directamente do altamiranyc.blogspot.com

dscf2589.JPG

dscf2805-altamira.JPG

Boas e más notícias!

Como combinado juntei algumas fotos do esperado desfile de Christopher Kane, na semana de moda de Londres. O jovem designer, protegido de Donatella Versace, que despertou atenções com a sua colecção primavera/verão 2007, era sem dúvida um dos designers mais esperados nesta edição do London Fashion Week.
Bebendo inspiração em filmes como “Carrie,” e “Crocodile Dundee”, o designer inglês construiu uma colecção bem estruturada, que agradou, e muito, as mais exigentes editoras das maiores revistas do meio.
O dualismo estava assente: por um lado a ingenuidade e limpidez de uma jovem, onde as cores pálidas, chiffons e folhos prevalecem; por outro, a força e robustez de um crocodilo, com cores como castanhos, verdes e até preto.
As boas notícias: ultrapassado o susto do roubo, Christopher Kane voltou a brilhar…lá, por cá, (e estas são as más notícias) esperava-se um pouco mais de audácia, com a impressão a crocodilo a contribuir, em muito, para o nosso descontentamento.

00040m.jpg

00070m.jpg
00100m.jpg
00200m.jpg

00330m.jpg

Anúncios